Deputado Peninha cita Jaraguá do Sul em defesa de decreto de Bolsonaro

Bene Barbosa diz que ‘tudo indica’ que decreto sobre porte de armas cairá – Boletim da Liberdade
junho 12, 2019
Sobre armas e livros – O Livre
junho 14, 2019
Foto: Divulgação

O deputado catarinense Rogério Peninha Mendonça (MDB) citou Jaraguá do Sul em sua fala em defesa do decreto do presidente Bolsonaro que facilitou o porte de armas em todo território nacional.

Defensor ferrenho da causa, Peninha é um dos principais nomes em defesa das armas no Congresso.

Atualmente, a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) já votou por revogar o decreto, faltando ainda a manifestação do plenário.

Se a deliberação acabar sustada, a esperança para os armamentistas é o PL 3722, que já passou pela Comissão Especial e está pronto para ser apreciado no Plenário da Câmara dos Deputados, o que deve acontecer após a discussão da Reforma da Previdência.

Se aprovado, segue para discussão no Senado Federal, que avaliza ou não o projeto do deputado, que trata dos mesmos temas facilitados pelo presidente no decreto.

No vídeo, Peninha cita a Schützenfest, já que, por projeto de sua autoria, Jaraguá do Sul é a capital do tiro.

Diz também que a cidade tem essa cultura e é a mais segura do Brasil, tentando desconstruir a tese de que mais armas legais causam mais violência.

Assista:

Jaraguá do Sul, capital do tiro

Projeto de lei do deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB/SC) que concede a Jaraguá do Sul o título de Capital Nacional dos Atiradores foi aprovado na Câmara dos Deputados.

A cidade catarinense é reconhecida pela tradição do tiro esportivo.

“Estou muito feliz com esta conquista. Eu já tive o prazer de visitar o município em inúmeras oportunidades, inclusive de participar da Festa dos Atiradores, que é realizada lá há 30 anos. E esse título, claro, vai garantir uma maior visibilidade nacional. É uma prática de muitos anos e que eu tenho orgulho de participar e também de ajudar a preservar essa tradição”, argumenta o autor do PL.

Em 2015, Jaraguá do Sul foi considerada a cidade mais segura do Brasil.

O tiro é uma tradição centenária entre as famílias e, só no ano passado, mais de 100 mil pessoas prestigiaram a maior Festa dos Atiradores fora da Alemanha: a Schützenfest.

Durante o evento, foram disparados mais de 97 mil tiros.

A sugestão do projeto foi feita pessoalmente ao parlamentar por representantes da Associação de Clubes e Sociedades de Tiro do Vale do Itapocu (ACSTVI), entidade organizadora do evento.

O Projeto de Lei 9470/2018 segue agora para apreciação do Senado Federal.

Quer receber as notícias no WhatsApp?

Fonte: https://ocp.news/seguranca/deputado-peninha-fala-sobre-jaragua-do-sul-em-defesa-de-decreto-de-bolsonaro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *